Terremoto de 5,8 graus, réplica do tremor de 7,8, sacode Nova Zelândia

"..., e terremotos, em vários lugares." Mateus 24:7

14 de novembro de 2016.

 

Um terremoto de 5,8 graus de magnitude na escala aberta de Richter sacudiu nesta segunda-feira a Nova Zelândia, réplica do tremor de 7,8 graus que na noite de domingo causou dois mortos e originou um alerta de tsunami.

Quase 400 réplicas aconteceram na Nova Zelândia desde o tremor de 7,8 graus.

O serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), que registra a atividade sísmica no mundo todo, localizou o hipocentro do tremor a 14 quilômetros de profundidade e a 15 quilômetros a leste-nordeste de Kaikoura.

Kaikoura e a região de Marlborough, no nordeste da ilha do Sul, são as duas regiões mais afetadas pelo forte tremor de ontem à noite.

"É uma devastação absoluta. Não sei... São meses de trabalho", disse o primeiro-ministro neozelandês, John Key, após inspecionar Kaikoura e Marlborough com o titular de Defesa Civil, Gerry Browleen; o líder opositor, Andrew Little, e um grupo de jornalistas.

"Sorte que tenha acontecido à meia-noite", avaliou o líder, confiante em que não haja pessoas presas em seus veículos debaixo das rochas que caíram sobre a estrada.

Em Kaikoura, uma pequena cidade com cerca de 2.000 habitantes e onde se calcula haja 1.200 turistas isolados pela falta de veículos de transporte, podem ser vistas do ar as grandes pedras nas estradas e rachaduras no solo.

O terremoto de 7,8 graus também causou danos em Wellington, a capital do país e situada no sul da ilha do Norte.

Fonte: EFE

voltar para Terremotos

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||