Grande terremoto do ano pode acontecer nos próximos meses

"..., e terremotos, em vários lugares." Mateus 24:7

11 de julho de 2016.

 

As estatísticas mostram que todos os anos, com raras exceções, a Terra produz um intenso terremoto acima de 8 magnitudes. Este ano esse evento ainda não ocorreu, o que pode significar que um tremor mais forte pode acontecer nos próximos meses.

 Estatisticas sismicas desde 1979

Estatísticas sísmicas desde 1979 elaborada a partir de banco de dados de terremotos pertencente a Apolo11.com.

Esta informação está baseada em observações desde 1900, que registrou a média de 1 forte terremoto todos os anos.

Neste século, com exceção do ano de 2002 e 2008, a Terra foi acometida de 21 terremotos iguais ou superiores à magnitude 8.0, incluindo o poderoso megaterremoto de 9.1 magnitudes de Sumatra em 2004, o evento de 8.8 magnitudes em Bio-Bio, no Chile, em 2010 e o mais recente tremor de 9.0 em Honshu, no Japão e que causou o terrível acidente nuclear de Fukushima.

Todos esses abalos ocorreram no chamado "Anel de Fogo" e produziram ondas gigantes, chamadas tsunamis.

 Anel de fogo

Em rosa vemos o cinturão sísmico conhecido como "Anel de Fogo", onde se concentra a maior parte da atividade sísmica e vulcânica do planeta.


Previsão versus Estatísticas
Prever terremotos e sua possível localização ainda não é possível, mas a observação de valores ao longo do tempo pode revelar pressões tectônicas em crescimento e que "estatisticamente" podem ser liberadas. É o caso de 2016, em que até o mês de julho não ocorreu nenhum evento significativo igual ou maior que 8.0 magnitudes.

Considerando que em todos os anos acontece ao menos 1 evento desse porte, é de se esperar que um forte tremor ocorra nos próximos seis meses em alguma região próxima ao anel de fogo, que compreende boa parte do planeta.

É importante destacar que essa informação não é e nem pretende ser uma previsão de terremoto, mas uma avaliação baseada em dados observados desde 1900 e que constata a ausência de qualquer tremor significativo em um período de seis meses e que estatisticamente deveremos ter ao menos um evento até o final do ano, como observado nos últimos 116 anos.

Fonte: Apolo 11.

voltar para Terremotos

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||