Surto de leptospirose causa 28 mortes após inundações no sul da Índia

"...e pestes...” Mateus 24:7

03 de setembro de 2018.

 

Pelo menos 28 pessoas morreram após um surto de leptospirose no estado de Kerala, no sul da Índia, que há duas semanas registrou as piores inundações em cem anos, informaram nesta segunda-feira à Agência Efe fontes oficiais.

Em média, 140 pessoas por dia contraíram a doença, que provoca febre, dores musculares e dores nas articulações, entre outros sintomas, segundo uma fonte de Departamento Estadual de Saúde que pediu anonimato.

A leptospirose é uma infecção causada pela bactéria "Leptospira spirochetes", que é normalmente transmitida quando a água é contaminada pela urina de alguns animais infectados, especialmente ratos.

O vice-secretário desse departamento, Rajeev Sadanandan, disse que o governo tem recomendado às pessoas que estiveram em contato com água da enchente para tomar os medicamentos disponíveis no mercado para evitar a doença.

As chuvas torrenciais, que provocaram em meados de agosto as piores inundações em quase um século em Kerala, causaram desde o final de maio mais de 370 mortes, afetaram 5,4 milhões de pessoas e cerca de 1,2 milhão de evacuados para acampamentos de emergência em toda a região.

Deslizamentos de terra e inundações são comuns na época das monções no sul da Ásia, onde todos os anos, além de vítimas, ocorrem prejuízos materiais substanciais.

Entre maio e junho, mais de mil pessoas morreram na Índia e outras 635 ficaram feridas em desastres naturais e relacionados ao clima, como inundações e quedas de raios, de acordo com dados apresentados pelo Governo indiano no Parlamento.

Fonte: EFE

voltar para Pestes

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||