OMS aumenta para 'muito alto' risco de ebola no Congo

"...e pestes...” Mateus 24:7

29 de setembro de 2018.

 

A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou nesta sexta-feira que aumentou o risco de propagação da epidemia de ebola na República Democrática do Congo, que agora é "muito alto" tanto em nível nacional como regional.

Até agora, a agência especializada da ONU mantinha um risco "alto" em escala nacional e regional.

Em escala mundial o risco continua sendo baixo, detalhou a OMS em uma declaração enviada aos meios de comunicação.

Nela, a agência explica que modificou sua "avaliação dos riscos de epidemia de ebola na República Democrática do Congo [...] devido a fatores de risco potenciais de transmissão de ebola em nível nacional e regional, incluindo os transportes e os movimentos de população".

"Como o risco de propagação nacional e regional é muito elevado, é importante que as províncias e os países vizinhos reforcem suas atividades de vigilância e de preparação", destacou.

Em 25 de setembro, o vice-diretor-geral da OMS encarregado das respostas de emergência, Peter Salama, indicou que Uganda "enfrenta uma ameaça iminente" de ser afetada pelo ebola, após o surgimento de um caso perto da fronteira.

A décima epidemia de ebola em solo congolês desde o surgimento do vírus, em 1976, foi declarada em 1º de agosto no leste do país, uma zona pouco segura devido à presença de dezenas de grupos armados.

Segundo o último balanço da OMS, a epidemia matou 101 pessoas.

Fonte: AFP

voltar para Pestes

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||