Vídeo expõe o sofrimento dos cristãos que vivem no Sudão

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

22 de outubro de 2015.

 

O site de informações Free Burma Rangers divulgou um vídeo esclarecedor sobre os sofrimentos dos cristãos que vivem em Núbia, no Sudão. As imagens mostram como os direitos deles estão sendo tirados e expõem a situação de violência e perseguição que vivem. No vídeo há cenas de casas sendo invadidas e atacadas.

Segundo um analista de perseguição: "O vídeo que contém cenas reais de bombardeios em campos de refugiados, deixa claro que o Sudão já cometeu diversos crimes contra os cristãos, nas últimas décadas. No período inicial da segunda guerra civil (1983-2005), o governo sudanês implementou uma política de ‘arabização e islamização’, ocasião em que cristãos foram forçados a se converterem e aqueles que se negaram, morreram".

O analista explica que após a independência do Sudão do Sul, em 2011, o governo do Sudão atacou deliberadamente muitos civis: "Colocaram abaixo suas casas e escolas, hospitais e fazendas, sob o pretexto de combater o Exército de Libertação do Norte (SPLA-N)".

O país que ocupa o 6º lugar na classificação de perseguição religiosa é alvo de críticas e forte repressão por parte da mídia internacional e de grupos ligados à defesa dos direitos humanos. Cristãos sudaneses têm enfrentado muitas ameaças. Os incidentes sofridos incluem assassinatos relacionados à fé, danos a propriedades, casamentos forçados, prisões, deportações e invasões a escritórios de igrejas.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||