Um país em constante luta espiritual

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

01 de novembro de 2015.

 

A feitiçaria e outros tipos de magia são grandes na Colômbia. Líderes destes grupos se levantam contra os cristãos. Até mesmo crianças e adolescentes são induzidos a participarem dos rituais

Na Colômbia, a feitiçaria está sendo usada como uma arma estratégica por parte das autoridades indígenas tradicionais em uma tentativa de enfraquecer e até mesmo acabar com a fé dos cristãos indígenas. Com o número fiéis a Cristo subindo para pelo menos 3 mil, os líderes locais relativamente autônomos do país lançaram um plano para tirar todas as igrejas da região nos próximos 10 anos.

De acordo com o pastor indígena Cesar Valencia Collazos, da Igreja Nova Jerusalém na reserva Canoas, a igreja dele já enfrentou vários casos de jovens e adultos que participaram de rituais ocultos com o objetivo de destruir a igreja. "Um jovem que estava envolvido no satanismo disse que iria conseguir nos enfraquecer, eles colocaram um bar de jogo na frente da igreja", disse o pastor. Feiticeiros e curandeiros começaram a enviar mensageiros durante os cultos para se sentarem no fundo da igreja. Quando os pastores realizavam o apelo, esses mensageiros gritavam: "Não, nós acabamos de escutar tudo o que foi dito e amaldiçoamos os arredores da igreja".

Uma menina de 17 anos, frequentadora de uma igreja cristã, foi induzida a participar destas práticas, apesar de ter pais cristãos. Ela realmente fez um pacto de feitiçaria em que se comprometeu a levar mais um de seus parentes para Satanás. Desanimados, seus pais não conseguem entender como isso pode acontecer em sua casa, onde ela aprendeu e conheceu o amor de Deus. Os líderes da igreja e o pastor se uniram com a família para interceder urgentemente pela libertação dela. O pastor Valencia admitiu que teme mais casos como esse, só que encobertos.

Motivos de oração

  • Clame ao Senhor por providência na Colômbia. Os cristãos indígenas e, principalmente, as crianças e adolescentes estão imersos neste cenário de conflitos espirituais. Que eles possam ver a luz de Cristo mais forte do que a das trevas.
  • Interceda por essa menina de 17 anos. Que ela consiga ser liberta e volte a ser a filha que seus pais conheceram.
  • Suplique a Deus por força e coragem para os cristãos colombianos, que mesmo diante deste panorama espiritual tão tenso e delicado, a certeza da salvação possa fazer a diferença na vida dos nossos irmãos. Que eles perseverem.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||