Um ditador transformado em servo

"Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

18 de outubro de 2018.

Aliou tem 37 anos, é casado e pais de dois filhos. Ele nasceu em uma família muçulmana do Níger e era fanático sobre a fé islâmica. Aliou odiava os cristãos. Mas um dia ele encontrou um livreto e começou a ler por curiosidade sobre os cristãos, que ele considerava mentirosos. O livro fazia a pergunta: Para onde você vai quando morrer?

Ele leu sobre o juízo final e, como sabia que era pecador, percebeu que tinha um grande problema. Isso preparou seu coração para receber o evangelho e, quando houve um evangelismo em sua cidade, ele e dois amigos decidiram dedicar a vida a Jesus. Então os três começaram a ser perseguidos pelos familiares e sociedade, que tentavam fazê-los voltar ao islamismo. Infelizmente, seus amigos não resistiram e desistiram da jornada com Cristo.

Aliou, porém, continuou servindo a Deus e depois estudou em um seminário teológico. Hoje, cuida de uma igreja no sul do Níger, onde os cristãos enfrentam forte pressão para retornar ao islã. Embora tenha aprendido a pregar , ele não foi ensinado a ser um líder-servo. “Eu era arrogante e dirigia minha família e a igreja como um ditador. Quando alguém oferecia ajuda, eu suspeitava, pensando que eram espiões que queriam prejudicar minha igreja”, compartilha o pastor.

Treinamento que faz a diferença

Agora Aliou testemunha como o curso de habilidades ministeriais da Portas Abertas mudou seu entendimento sobre liderança e administração da igreja. Ele afirma: “Em casa, eu comecei a discutir sobre questões como orçamento e criação de filhos com minha esposa. Agora resolvemos qualquer problema que surge juntos”.

Ele compartilha ainda que ensinou por quase três meses na igreja o que aprendeu no curso, o que gerou uma grande mudança. “Agora as pessoas tomam iniciativas e não esperam mais pelo pastor e presbíteros. Todos trabalhamos juntos pelo progresso da igreja e juntos estamos abençoando a comunidade”, afirma. Homens, mulheres e jovens participam de evangelismo em hospitais, prisões e lugares públicos. Também limpam áreas públicas e plantam árvores.

Aliou conclui agradecendo pelo investimento na igreja do Níger. Agradeça a Deus com ele e ore para que muitos outros sejam atraídos a um relacionamento mais próximo com o Senhor através do ministério dele e do testemunho de sua família e igreja.

Firmes na visão de Jesus
Você pode investir na expansão e fortalecimento do corpo de Cristo na África Subsaariana através de nossos projetos. Com uma doação, você possibilita que mais cristãos africanos sejam treinados para servir e exercer seu ministério.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||