Terroristas matam um cristão a cada cinco minutos

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

21 de setembro de 2015.

 

A Liberdade Cristã Internacional, uma organização de ajuda humanitária que apoia cristãos perseguidos, calculou que um cristão é martirizado por sua fé a cada cinco minutos.

Os cristãos se tornaram o grupo religioso mais perseguido no mundo em 105 países de todo o norte e oeste da África, Oriente Médio e Ásia, de acordo com a organização Liberdade Cristã Internacional.

O presidente da organização, Jim Jacobson, disse que grande parte das perseguições contra os cristãos é realizada no Oriente Médio por militantes do Estado Islâmico (EI).

"Os militantes do Estado Islâmico no Iraque estão usando as igrejas cristãs como câmaras de tortura onde eles forçam os cristãos a se converter ao Islã ou morrer", disse Jacobson ao site de notícias Breitbart.

O especialista também sublinhou que não são só pessoas que sofrem – os terroristas destroem lugares sagrados:

"Militantes do Estado Islâmico também estão devastando antigos lugares de culto cristão e relíquias antigas, que por sua vez são contrabandeadas para colecionadores ocidentais para ajudar a financiar as suas atividades terroristas".

O Estado islâmico é conhecido por terem realizado expulsões em massa, perseguições e assassinatos de cristãos e outros grupos religiosos e étnicos, tais como os yazidis, curdos, turcomanos e shabaks.

Os membros da organização terrorista tornaram pública uma série de ataques contra cristãos, incluindo o sequestro e decapitação de 21 cristãos egípcios na Líbia em fevereiro de 2015, e 30 cristãos etíopes em abril de 2015.

Outros grupos militantes islâmicos também perseguem cristãos sistematicamente. Em abril de 2014, 276 estudantes cristãs foram sequestrados por militantes do Boko Haram de sua escola no norte da Nigéria, e se acredita que mais de 200 deles continuam presos.

Em abril de 2015, militantes da Al-Shabaab atacaram um dormitório universitário na Somália, durante uma oração cristã. Os alunos não-muçulmanos foram massacrados: os terroristas mataram pelo menos 147 pessoas.

A Liberdade Cristã Internacional calculou que nos séculos XX e XXI foram martirizados mais cristãos do que durante todos os 19 séculos anteriores, e que a cada cinco minutos um cristão é martirizado por sua fé.

Fonte: Sputnik.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||