Provisão de Deus a uma família nigeriana

Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

06 de fevereiro de 2017.

 

“Deus respondeu as orações da minha filha e eu não consegui conter minhas lágrimas; pedi perdão a ele por ter duvidado de suas promessas”

Na Nigéria, o 12º país na Lista Mundial da Perseguição 2017, muitas famílias cristãs estão vivendo deslocadas porque suas terras foram totalmente devastadas pela guerra. O grupo extremista Boko Haram é responsável por inúmeros ataques violentos contra a igreja no país e contra o próprio governo, já que planeja criar um Estado Islâmico por lá. Sequestros e assassinatos são ações comuns com os cristãos nigerianos.

Muitas vezes, a situação é tão ruim que eles chegam a duvidar da provisão de Deus. Na revista Portas Abertas desse mês, há um caso que ilustra bem essa situação. “Um dia eu disse aos meus filhos que não sabia mais o que fazer e talvez fosse melhor que eu os deixasse sob os cuidados de alguém que pudesse cuidar melhor deles”, conta Doregne, uma viúva cristã.

Ela lembra que sua filha adolescente decidiu orar e jejuar durante dois dias. Após esse período, Doregne recebeu um telefonema importante e foi convidada a se encontrar com um colaborador da Portas Abertas juntamente com outras viúvas. Na ocasião, ela recebeu ajuda, encorajamento, alimentação e dinheiro para as despesas escolares dos filhos e para o aluguel da casa onde moram. “Deus respondeu as orações da minha filha e eu não consegui conter minhas lágrimas. Pedi perdão a ele por ter duvidado de suas promessas”, conclui.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||