Um presente muito especial

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

30 de março de 2016.

 

"A minha gratidão veio em forma de lágrimas. Eu realmente me senti feliz. Aquele presente significava muito mais para mim. Era como uma declaração de amor de Deus"

Anvar* era uma muçulmana solitária da Ásia Central. Tinha limitações por ter uma deficiência física e sempre se sentia muito rejeitada, tanto pela família quanto pelos amigos. Mesmo assim, ela se esforçava para cuidar de sua irmã, que também é deficiente. Ela tinha um único desejo, que era encontrar uma pessoa que a amasse do jeito que é e que realmente se importasse com sua vida.

No final de 2015, Cristo bateu em sua porta. "Conheci um cristão que me falou sobre o Salvador e fiquei muito entusiasmada. Eu queria saber mais. Eu queria me aproximar de Jesus. E quanto mais eu sabia sobre Ele, mais eu me convencia de que eu era amada. O Natal chegou e havia uma igreja que estava distribuindo presentes através de um projeto da Portas Abertas, como forma de expressar o ‘amor ao próximo’. Aquilo me tocou profundamente", lembra Anvar.

Ela nunca havia recebido um único presente na vida. "Fiquei tão surpresa quando também recebi o presente. Era uma cesta com vários alimentos, objetos úteis e lembrancinhas. Tinha tanta coisa que eu poderia me alimentar daquela cesta por duas semanas. Então eu chorei de alegria e de emoção. A minha gratidão veio em forma de lágrimas. Eu realmente me senti feliz. Aquele presente significava muito mais para mim. Era como uma declaração de amor de Deus", diz a nova convertida.

Anvar está vivendo o primeiro amor, ela ainda não sofreu nenhum tipo de perseguição religiosa, mas há grandes possibilidades de que isto aconteça. Frequentemente, ex-muçulmanos que se convertem ao cristianismo são multados, presos e até expulsos de suas comunidades. "Eu não me importo com o que virá daqui para frente, pois agora eu tenho alguém que me ama de verdade e entrei para uma grande família, dentro da qual serei amparada e acolhida", finaliza ela.

Motivos de oração

    • Ore ao Senhor para que proteja Anvar e, se for da vontade dele, a livre da perseguição religiosa.
    • Peça a Deus para que a igreja na Ásia Central se fortaleça e que tenha cada vez mais estratégias para lidar com os perseguidores.
    • Ore também para que a família de Anvar seja tocada pelo amor de Cristo e que eles possam aprender através da vida dela que não há outro caminho além de Jesus.

*Nome alterado por motivos de segurança.

 

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||