Pastor é forçado a mudar de região por causa da perseguição

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

11 de fevereiro de 2015.

 

Em janeiro, o pastor Hammadi*, um líder cristão em Timbuktu, no norte do Mali, precisou visitar Bamako para a conferência de sua igreja com pastores nacionais. Para chegar ao evento, ele tinha duas opções e, uma delas, salvou a sua vida

Para viajar, Hammadi poderia pegar um voo gratuito oferecido pelas Nações Unidas ou pagar por um voo em outra companhia, que partiria mais cedo. Sem entender a razão para isso, ele sentiu uma urgência para deixar a cidade o mais rápido possível. Então, pagou e embarcou imediatamente.

Em pouquíssimo tempo à sua chegada em Bamako, Hammadi recebeu diversas ligações de cristãos, amigos muçulmanos e oficiais em Timbuktu, informando-o de que foram alertados acerca de um plano traçado por extremistas islâmicos para sequestrá-lo e matá-lo naquele mesmo dia. Os extremistas consideram o ministério do pastor "perigoso". Sua saída repentina felizmente frustrou o desejo deles.

No contexto de crescente violência na região, o retorno de jihadistas para a área de Timbuktu e a notícia dos planos contra sua vida, fizeram com que o pastor tomasse a decisão de não voltar à cidade, apesar da sua intenção de continuar o trabalho que vinha realizando no deserto do Mali. Ele está agora à procura de outra região para retomar seu ministério. O extremismo islâmico parece aumentar significativamente em todo o país.

Pedidos de oração
• Agradeça ao Senhor por sua proteção sobre a vida do pastor Hammadi e sua família. Ore para que ele encontre uma casa e um lugar para reunir os fiéis em breve.
• As implicações financeiras de mudar de região por causa da perseguição religiosa são grandes. Peça ao Senhor para que todas as necessidades sejam supridas.
• Ore pela Igreja no Mali. Nossos irmãos e irmãs estão enfrentando muita instabilidade e insegurança. Interceda para que eles perseverem apesar das dificuldades e hostilidades que enfrentam.

*Nome alterado por motivos de segurança.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||