Páscoa, marco de um novo nascimento

"Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

01 de abril de 2018.

 

Em nossa visita a Qaraqosh nesta semana de Páscoa também fomos recebidos por Faraj, 61. O pai de cinco filhos pega seu telefone para nos mostrar fotos da cidade em sua primeira visita à sua casa depois que a cidade havia sido libertada pelo Estado Islâmico. Ele nos conta que havia um grande buraco na parede, onde os terroristas fizeram um túnel para atravessar a rua sem ser vistos.

Após alguns meses de muito trabalho, a casa de Faraj agora é um lugar acolhedor e seguro. A família de Faraj é umas das 336 famílias de Qaraqosh que receberam apoio da Portas Abertas, através de nossos parceiros locais, para reconstruir suas casas. Esse apoio veio em forma de ajuda financeira, mas também de consultoria sobre o processo de reconstrução. Nosso suporte ajudou Faraj e sua família no período mais escuro de sua vida.

Faraj nos leva ao segundo andar de sua casa para nos mostrar o resultado – teto e janela são novos e as paredes estão pintadas. Da varanda, podemos avistar uma fileira de casas completamente queimadas. Mas assim como a ressurreição de Jesus, que comemoramos hoje, para Faraj, estar de volta à sua terra natal e poder celebrar a Páscoa é o marco de um novo nascimento.

Para que esse processo de renascimento seja completo em seu país, Faraj pede que a igreja de todo o mundo ore. “Queremos que cristãos de todo o mundo orem pelos cristãos do Iraque. Sem ajuda, o cristianismo pode desaparecer completamente deste país, o que seria lamentável, porque o Iraque sem cristãos seria como um jardim sem rosas”, conclui o cristão perseguido.

Para que a igreja não desapareça
Os cristãos do Iraque têm um papel fundamental na reconstrução de seu país. Como igreja livre, além de orar, precisamos apoiá-los de forma prática, pois há muito a ser feito. Faça sua ajuda chegar até eles. Para saber como, clique aqui.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||