Ore por duas viúvas e dez órfãos de cristão assassinado

Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

22 de dezembro de 2017.

 

Em setembro, a Portas Abertas divulgou o assassinato de Baba Kale Dankali, de 62 anos, e seu filho, Micah Kale, de apenas 20, na aldeia de Tuku, em Tudun Wada, no estado de Kano. Pastores de cabras fulani invadiram o terreno da família (foto) para roubar grãos, os assassinaram, e até agora ninguém foi preso pelo crime. Em visita ao local, conversamos com a viúva Mama Aisha Dankali, de 54 anos. Ela relembra toda a sua trajetória e compartilha sua situação atual.

Quando Aisha casou com Baba Kale, ela era uma agnóstica e ele, um seguidor das tradições religiosas africanas. Suas diferenças religiosas não interferiam na relação e o casal construiu um relacionamento estável. Juntos tiveram sete filhos. Mais tarde Baba Kale se interessou por outra mulher, a jovem Amina, que se tornou sua segunda esposa. Aisha e Amina não eram melhores amigas, mas lidavam bem com o fato de ter que dividir uma casa. Amina teve mais quatro filhos de Baba Kale.

Três anos antes de sua morte, Baba Kale havia se convertido ao cristianismo. Logo Aisha também se converteu. A relação poligâmica que mantinham começou a se complicar a partir desse ponto. A família estava lidando com a situação quando o incidente aconteceu. “No momento senti que não conseguiria lidar com aquilo. Na manhã seguinte os vizinhos vieram para nossa casa. Tivemos um memorial, depois o pastor orou por nós e então enterramos meu marido e meu filho”, conta Aisha.

“Juntas, Amina e eu, temos dez filhos para cuidar. E eu me pergunto ‘Como vou achar comida para alimentá-los ou dinheiro para comprar o que precisam?’ Mas o que digo para mim mesma é que Deus nunca irá nos decepcionar”, diz Mama Aisha. Apesar do incidente trágico, a família se mantém unida para superar o luto e continua trabalhando em suas terras.

Na visita, oramos, cantamos e lemos as escrituras com a família, que se sentiu muito encorajada. Aisha agradece: “Muito obrigada pelas orações. Deus abençoe todos vocês! Continuem orando pela minha família para que Deus possa nos ajudar a cuidar dos nossos filhos”. A Portas Abertas desenvolve programas de treinamento para equipar pastores de modo que eles possam ajudar os membros a lidar com situações como a dessa família.

Pedidos de oração

  • Ore pelas duas viúvas e os dez filhos, para que cada um conheça o Senhor como provedor e consolador nesse tempo de dor.
  • Peça que os líderes da igreja tenham sabedoria para aconselhar essas duas mulheres quanto ao futuro.
  • Interceda por sabedoria e proteção conforme eles continuam trabalhando em suas terras. Que a família de Baba Kale e a comunidade os trate com justiça e dignidade.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||