Migrantes africanos são mortos na Líbia

"Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

20 de junho de 2018.

 

Hoje comemora-se o Dia Mundial do Refugiado. Muitos africanos que procuram asilo na Líbia acabam sendo mortos ou presos. Em 23 de maio, traficantes de pessoas mataram ao menos 12 migrantes africanos em Bani Walid (180 Km a sudeste da capital Trípoli). Um grupo de 140 sobreviventes, entre eles muitas crianças, explicaram como os migrantes foram baleados em uma tentativa de fuga, de acordo com relatório do Alto Comissariado para Refugiados da ONU (UNCHR). Alguns deles haviam sido mantidos cativos por três anos.

O grupo original no cativeiro era formado por 200 eritreus, etíopes e somalis, alguns dos quais ainda podem estar escondidos. O UNCHR afirmou: “Há atualmente 605.226 pessoas que inspiram preocupação na Líbia, 184.612 delas estão deslocadas internamente, 368.583 retornaram e 52.031 são refugiados registrados”.

Um analista de perseguição da Portas Abertas diz que esse não é um caso isolado, mas que incidentes parecidos vêm acontecendo há quase cinco anos. Ele cita as decapitações de cristãos do Egito e da Etiópia em 2015, que ocuparam as manchetes internacionais. Embora a filiação religiosa das vítimas em 23 de maio de 2018 não seja conhecida, é provável que houvesse cristãos entre os eritreus e etíopes.

A Anistia Internacional estima que sete mil migrantes e refugiados estejam definhando em centros de detenção na Líbia. Em março, o número de detentos era de 4.400. As autoridades líbias mantêm aqueles que procuram asilo em centros de detenção superlotados, onde enfrentam sérias violações de direitos humanos. Ore por esses refugiados na Líbia e pelos milhões de refugiados espalhados em todo o mundo, inclusive aqui no Brasil.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||