México enfrentou o Brasil com novo presidente eleito

"Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

02 de julho de 2018.

Neste 2 de julho, o México que jogou contra o Brasil amanheceu com um novo presidente eleito. O esquerdista Andrés Manuel López Obrador, conhecido pelas suas iniciais AMLO, foi escolhido como novo presidente do México nas eleições deste domingo (1º). Essa é a terceira vez que o ex-prefeito da Cidade do México concorre ao cargo. Desta vez, com 31,6% das urnas apuradas até as 5h da manhã de hoje, Obrador já tinha 53,33% dos votos e foi dado como vencedor das eleições em comunicado do Instituto Nacional Eleitoral. Seu mandato começará a vigorar a partir de 1 de dezembro deste ano.

O México encerrou sua campanha eleitoral como a mais violenta dos últimos anos, com pelo menos 124 políticos assassinados. A violência eleitoral se soma à que os mexicanos enfrentam diariamente. O país fechou 2017 com a cifra recorde de 25.339 assassinatos. Essa violência atinge de forma especial a Igreja Perseguida do México. Recentemente informamos sobre o pastor Eduardo García, que foi assassinado pelos cartéis de drogas no começo de junho. A família do pastor era perseguida na região há mais de dez anos. Seu filho também havia sido assassinado em 2009 e a filha sequestrada em 2011.

O pastor da igreja Vida Nova era muito conhecido na comunidade evangélica e também como um homem de negócios. Em muitas ocasiões, ele reiterou que nunca deixaria a cidade de Juarez até vê-la aos pés de Cristo. Por isso, liderava movimentos de evangelismo de massa e de oração, orando pelas ruas; organizava concertos e distribuía Bíblias – ele acreditava que somente através de uma intervenção divina poderiam alcançar a transformação e a paz da cidade. Ele pagou um preço caro e com certeza seu sangue não será em vão. Que a igreja livre do Brasil se junte aos cristãos perseguidos do México, independente da rivalidade no futebol. Que sejamos um no clamor pela manifestação do reino de Deus nesta nação.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||