Líder cristão russo é barrado em aeroporto da Índia

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

24 de fevereiro de 2016.

 

Eles aumentaram ainda mais as restrições para os cristãos e, infelizmente, as chances de atividades missionárias por estrangeiros estão ficando escassas

No mês passado, o Asia News informou que o líder cristão da Igreja Ortodoxa Russa, conhecido como Serafim, e que trabalha no departamento das Relações Exteriores da Ásia, teve seu passaporte recusado, ao entrar na Índia, assim que chegou ao aeroporto de Chennai, cidade que antigamente se chamava Madras. O visto dele foi considerado inválido para sua entrada em solo indiano. Para as autoridades russas, a rejeição viola o espírito dos acordos existentes entre os dois países.

"O que aconteceu foi uma clara evidência do aumento da paranoia do governo indiano. Eles aumentaram ainda mais as restrições para os cristãos, até mesmo para os estrangeiros. Está ficando cada vez mais difícil conseguir um visto de entrada para visitar a Índia. Infelizmente, as chances de atividades missionárias por estrangeiros estão ficando escassas", comenta um dos analistas de perseguição. A aliança entre os dois países era vista como um privilégio, caminhando para 70 anos de relações diplomáticas.

Rússia e Índia não são países amistosos para os cristãos. No caso da Rússia, as principais fontes de perseguição religiosa são a paranoia ditatorial e o extremismo islâmico. Já na Índia, que é o 17º país na Classificação da Perseguição Religiosa 2016, o nível de perseguição aumentou em relação ao ano passado, subindo quatro posições. Hoje, os cristãos representam oficialmente 2,3% do total da população indiana, mas extraoficialmente o número é maior, cerca de 7% de acordo com estimativas conservadoras. Quase 80% da igreja na Índia vêm hoje de tradições de dalits e tribos. Desperta a atenção um fenômeno recente, de profissionais e intelectuais, que estão se convertendo ao evangelho em uma escala muito maior do que antes. Enfim, não importa o que aconteça entre estes países, a igreja de Cristo vai continuar crescendo, de uma forma ou de outra. As sementes continuam sendo lançadas.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||