Jorginho reclama de perseguição extracampo

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

22 de dezembro de 2015.

 

O técnico do Vasco, Jorginho, pediu respeito à sua religião durante entrevista ao canal SporTV. O treinador tem sido criticado por sua atuação com os jogadores, mas as críticas recaem sobre sua fé. Ele é evangélico.

Jorginho entende que ele não é o único que passa por isso, então resolveu abrir o jogo e explicar que no campo ele é profissional e a questão religiosa não deve ser avaliada.

“Vou pegar uma frase de um surfista de Cristo, Jojó de Olivença, dos anos 80: ‘Deus abençoa, mas não surfa’. As pessoas têm que entender isso. A minha religião, seja qual for, não é a questão. As pessoas precisam respeitar por eu ser evangélico, mas por ser profissional”, disse.

O treinador do Vasco também mostrou que não irá abandonar a fé. “Minha assessoria me ajudou demais a desmistificar isso. Eu leio a Bíblia, eu oro, me ajoelho. Se eu não puder mais fazer isso, deixo de ser técnico”.

Não é a primeira vez que a religião de Jorginho aparece nas reportagens, em 2013 alguns jornalistas chegaram a entrar em contato com o Figueirense, onde ele trabalhava, para questionar se ele fazia estudo bíblico com os atletas.

“Eu nunca fiz. Eu, como treinador desde 2005, nunca sentei com atleta para fazer reunião (deste tipo). Sofri muito com essa situação”, disse Jorginho.

Outra polêmica envolvendo a religião do treinador aconteceu em 2006 quando ele comandou o América-RJ, nessa época o técnico chegou a proibir os jogadores de falar palavrões e ainda tentou trocar o mascote do clube de diabo, para uma águia. Com informações UOL

Por: Leiliane Roberta Lopes.

Fonte: Gospel Prime.

https://noticias.gospelprime.com.br/jorginho-reclama-perseguicao-religosa/

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||