Iraque: Longa espera em aeroporto

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

09 de dezembro de 2015.

 

No dia 7 de dezembro, todos os aeroportos iraquianos foram fechados, exatamente na ocasião em que 150 refugiados cristãos deveriam estar voando para a Eslováquia, que já havia aceitado a entrada deles no país. Foram meses de preparativos por parte dos cristãos que foram selecionados para deixar o Iraque, com a ajuda de um líder religioso. Eles saíram de sua comunidade depois de uma reunião de despedida em Ankawa, um bairro cristão que fica na cidade de Arbil.

Ao longo dos últimos 15 meses, a comunidade cristã se uniu e compartilhou sentimentos de alegria e de tristeza. Todos eles fogem dos ataques do Estado Islâmico e já estavam vivendo em barracas e abrigos precários, suportando o calor excessivo do verão e o frio intenso do inverno. Muitos se encontram doentes e algumas crianças não sobrevivem às temperaturas.

"A despedida deles é repleta de abraços e lágrimas, mas mesmo assim eles conservam um sorriso sincero e uma forte esperança. Eles estão apreensivos agora, porque precisam aguardar as 48 horas em que os aeroportos permanecerão fechados", comenta um dos analistas de perseguição.

Um dos líderes religiosos comenta: "Eu acredito que o motivo do fechamento dos aeroportos tem a ver com o Estado Islâmico. A Rússia prometeu enviar mísseis para diversos alvos, então o espaço aéreo precisa estar livre para isso. Nossos irmãos estão apreensivos, mas eles já esperaram 15 meses, 2 dias não fará tanta diferença. Isso é comum de acontecer aqui no Iraque. Eles vão embarcar para um futuro melhor, eu creio nisso e sei Jesus estará com todos eles", conclui o líder.

Iraque e Síria esperam por nós 
Todos os dias, vemos e ouvimos nos meios de comunicação histórias de refugiados, e sabemos que eles precisam de nossa ajuda e de nossas orações. É por esse motivo que convidamos você a participar do Domingo da Igreja Perseguida (DIP) em 2016, um dia de intercessão pelos cristãos perseguidos ao redor do mundo.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||