Iraque: Cristãos são obrigados a assinar uma petição

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

22 de junho de 2016.

 

Os refugiados cristãos estão vulneráveis e os líderes muçulmanos de grupos extremistas estão se aproveitando para usá-los em seus objetivos políticos

Notícias recentes afirmam que alguns cristãos iraquianos que fugiram para Dohuk, nome de uma cidade que em curdo significa “pequena aldeia”, foram obrigados a assinar um documento apoiando que o Curdistão iraquiano se torne um Estado curdo independente. Também conhecido como Grande Curdistão, a região geocultural tem a maior parte de sua população ocupada pelos curdos e suas terras estão divididas entre a Turquia, Irã, Iraque, Síria, Armênia e Geórgia.

Imad Youkhana, um membro cristão do Parlamento Iraquiano, já pediu uma investigação urgente para descobrir quem organizou essa petição, que ameaça enfraquecer ainda mais os acordos de paz existentes entre as diferentes composições da nação iraquiana. Os refugiados cristãos estão vulneráveis e os líderes muçulmanos de grupos extremistas estão se aproveitando para usá-los em seus objetivos políticos, principalmente o Estado Islâmico que tem ocupado várias regiões do Iraque. Ore por essa nação.

Os curdos fazem parte de um grupo étnico que reivindica sua própria nação e, atualmente, são cerca de 26 milhões de pessoas, em sua maioria muçulmanos sunitas. Eles são o maior povo que não possui um Estado no mundo. A petição assinada de maneira forçada pelos cristãos, reivindica a agilidade da liberação de Mossul pelas forças jihadistas, para que seja a capital dentro de uma região autônoma no Curdistão. Vários representantes políticos condenam esse pedido e já denunciaram o desenvolvimento do plano.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||