Irã: Crianças cristãs são obrigadas a deixar a escola

Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

11 de setembro de 2017.

 

Em duas grandes cidades iranianas, crianças cristãs foram intimidas a estudar o islamismo xiita ou deixar a escola. Elas são membros da denominação "Igreja do Irã" na cidade de Rasht, perto do Mar Cáspio, e na histórica cidade de Shiraz, ao sul do país.

Até recentemente, as crianças eram isentadas de estudar islamismo desde que apresentassem uma carta assinada pela denominação cristã a qual pertenciam, mas as autoridades agora estão rejeitando a carta alegando que a denominação é uma "organização ilegal", declara a organização de assuntos legais Christian Solidarity Worldwide (CSW).

A constituição iraniana permite que crianças de minorias religiosas, como as cristãs, tenham acesso a instruções religiosas projetadas por sua própria comunidade de fé e essas são aprovadas pelo Ministério da Educação, diz a CSW. Porém, fontes disseram à CSW que a mensagem é clara: converter-se ou islamismo ou sair da escola.

No início deste ano, quatro membros da denominação da Igreja do Irã em Rasht foram condenados a dez anos de prisão.

Pedidos de oração

  • Ore pelo direito das crianças iranianas estudarem, independente da fé que seguem.
  • Interceda pela igreja no Irã, para que cresça e seja perseverante em meio à perseguição.
  • Peça pelos governantes do país, para que as leis favoreçam a liberdade religiosa.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||