Informações sobre o último ataque no Quênia

Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

12 de julho de 2017.

 

Dois policiais morreram na cidade de Lamu e dez homens não-muçulmanos foram atacados, em Jima, somente um sobreviveu

Na semana passada, informamos que a área de Pandanguo, na cidade de Lamu, foi atacada, mas que ainda não havia informações sobre as vítimas. De acordo com os relatórios, dois policiais foram mortos. Entre a sexta-feira (dia 7) e o sábado (8), houve mais ataques supostamente pelo grupo extremista islâmico Al-Shabaab, na aldeia de Jima, onde 10 homens foram atacados e somente 1 sobreviveu, mas está em estado grave no hospital.

De acordo com uma testemunha que não será identificada por motivos de segurança: “Dezesseis milícias armadas atacaram duas aldeias, Jima e Poromoko. Eles estavam visando apenas os homens não-muçulmanos e foram de casa em casa, arrastando-os para fora. Dos 10 somente 1 escapou, os outros foram mortos sem piedade”, disse a testemunha.

Outro jovem que também viu tudo o que aconteceu, disse que o número de vítimas poderia ser bem maior. “É que logo após o ataque à delegacia de polícia, muitos tiveram a chance de fugir, principalmente os não-muçulmanos”, afirmou. Os agressores se concentraram depois entre as comunidades cristãs agrícolas de Giriama e Kamba. Muitos ainda estão lidando com os traumas causados após o ataque de 2014, e agora, foram surpreendidos novamente com as ações violentas de extremistas.

Pedidos de oração

  • Ore pelas famílias quenianas que perderam seus entes queridos durante os ataques e interceda pelo sobrevivente que continua hospitalizado.
  • Interceda também pelos cristãos que vivem na região de Mpeketoni, onde muitos estão assustados e se sentindo inseguros.
  • Peça a Deus para que as autoridades do Quênia sejam capazes de proteger a população e também de fornecer socorro imediato para as necessidades das comunidades atingidas.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||