Igrejas são fiscalizadas no Cazaquistão

"Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

16 de abril de 2018.

 

Uma sub-regional do Departamento de Assuntos Religiosos no Cazaquistão pediu os dados pessoais de todos os menores de 18 anos que frequentam os cultos cristãos. As informações solicitadas foram nome completo, idade, lugar onde estuda e número de identificação pessoal (dado pelo estado). “[O pedido] não foi enviado a muçulmanos, somente a cristãos, e seletivamente”, afirmou um oficial, sem explicar o que “seletivamente” significa.

Líderes religiosos correm o risco de ser processados se um menor de 18 anos participar dos cultos contra a vontade de pelo menos um dos pais. Já houve casos de líderes de igrejas serem processados mesmo sem nenhum dos pais se opor à participação do filho menor nas atividades da igreja. O governo do Cazaquistão tem controlado e monitorado as igrejas cada vez mais, por isso elas precisam de nossas orações.

Ore especificamente pelas igrejas que estão sendo vigiadas e passando por essa fiscalização. Clame pelos jovens, para que esta nova geração venha a conhecer Jesus e amá-lo sobre todas as coisas. E interceda pelos cristãos perseguidos do Cazaquistão como um todo, especialmente pela igreja subterrânea. Que nossos irmãos sejam livres para adorar ao Deus vivo no país que ocupa a 28ª posição na Lista Mundial da Perseguição 2018.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||