Governo chinês exige a destruição de igreja

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

09 de abril de 2015.

Embora ainda em fase de construção, a Comissão de Desenvolvimento Econômico de County Huoqiu, na província de Anhui, leste da China, emitiu um aviso em meados de março, afirmando que a Igreja Yongguang deve voluntariamente demolir o prédio usado como templo

A Igreja Yongguang começou a construção de seu novo templo depois que chegou a um acordo verbal com o comitê de desenvolvimento local, em fevereiro de 2014. O acordo estabelecia que a igreja teria que desocupar o prédio que usava para que o governo construísse uma estrada nas proximidades. As condições do acordo incluía a autorização de escolha de um novo local para a igreja com a cooperação do governo.

Apesar disso, o aviso de demolição, alegando que o prédio é uma estrutura ilegal, chegou em 17 de março, duas semanas após a igreja realizar uma cerimônia de abertura para celebrar a construção e o uso do primeiro andar do edifício.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||