Excepcionalmente bonitas para Deus

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

26 de maio de 2015.

 

Em Bangladesh, quando um homem muçulmano aceita a Cristo, geralmente sua esposa segue seu exemplo. No entanto, muitas das mulheres seguem seus maridos por obediência, sem compreender a essência da fé cristã

Em um país onde uma guerra religiosa está prestes a acontecer dirigida às mulheres, as novas convertidas precisam compreender sua beleza e a unidade de sua fé antes de poderem testemunhar do amor de Cristo e permanecerem firmes quando enfrentarem perseguição.

“Eu sou cristã há anos e até participei com meu marido de uma Faculdade Bíblica, mas nunca aproveitei as oportunidades de aprender mais sobre a Palavra de Deus”, disse Hosneara de 35 anos. Ela é uma típica cristã ex-muçulmana de Bangladesh que, como muitas outras, simplesmente seguiu seu marido quando ele se tornou cristão. Como resultado, mulheres como Hosneara têm pouco conhecimento da Bíblia, de Cristo e da salvação, o que as impede de crescerem como mulheres de Deus.

Você consegue imaginar os testemunhos e a influência que essas cristãs teriam se elas conseguissem aumentar seu conhecimento em sua fé, brilhando a luz de Jesus através delas em suas comunidades?

Para concretizar essa visão, a Portas Abertas realiza um curso de discipulado de três anos para ex-muçulmanas. O treinamento é chamado de Annona, que significa “único” na língua local. “Estamos preparando as mulheres para que possam expor sua crença em sua família, igrejas, comunidades”, continua o coordenador.

Neste treinamento, de 20 a 30 participantes, elas são ensinadas sobre doutrinas cristãs básicas como a salvação, o senhorio de Cristo, como estudar a Bíblia, oração, comunhão, louvor e a dar testemunho.
 
"Estou muito feliz por fazer parte deste treinamento. Eu descobri o amor de Deus por mim como uma mulher", diz Hosneara após o curso. "Eu aprendi que eu sou importante e que Deus me criou com o máximo de cuidado e amor. Aprendi também que a maneira que eu falo, ajo ou penso declara quem eu sou. De agora em diante, eu resolvi ser gentil e generosa com meus filhos e com as outras pessoas."

"O treinamento Annona tem como objetivo ensinar mulheres a serem fiéis e discípulas de Cristo, que permanecerão firmes na fé quando a perseguição as atingir", acrescenta o coordenador.

Esse testemunho só pode ser alcançado quando for investido tempo para preparar mulheres não só por fora, mas também por dentro. "Eu descobri no treinamento que se eu quero ser bonita. Eu preciso, em primeiro lugar, embelezar o meu coração e alma, falando e me comportando de forma consistente com os ensinamentos de Cristo," compartilhou Jasmine (39), outra participante do Annona.

Motivos de oração

• Ore pelos cristãos de Bangladesh, 43º país na Classificação da Perseguição Religiosa, que eles permaneçam firmes em sua fé, não importando a perseguição que enfrentem. 
• Agradeça pelos treinamentos dados pela Portas Abertas neste país. Peça para que continuem e alcancem mais pessoas. 
• Peça pelas ex-muçulmanas de Bangladesh, principalmente as que se convertem por obediência ao marido, que apesar das dificuldades, elas encontrem forças e o desejo de conhecer a beleza da fé Jesus Cristo. 

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||