Estado Islâmico destrói e queima igreja católica nas Filipinas

Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

05 de junho de 2017.

 

Violentos conflitos entre jihadistas e as tropas do governo tomaram o sul das Filipinas desde os fins do mês de maio.

A organização terrorista Estado Islâmico publicou um vídeo, reproduzido pelas redes sociais, no qual é possível ver os supostos membros da organização destruindo uma igreja católica na cidade de Marawi, que se transformou em palco de combates entre as forças do governo filipino e os jihadistas.

O vídeo do ato, considerado um sacrilégio, mostra como os terroristas destroem as santas e as relíquias do templo, antes de provocar um incêndio no local.

Desde o último dia 23 de maio, combates brutais entre as forças governamentais e os militantes da organização terrorista Maute, filial do Estado Islâmico, sacodem o sul do país.

O conflito afetou principalmente a cidade de Marawi e afeta a região Mindanao como um todo, que compreende a segunda maior ilha do país. O número oficial de mortos na operação militar para recuperar Marawi subiu para 175.

O presidente, Rodrigo Duterte, declarou lei marcial na região de Mindanao.

Fonte: Sputnik

https://br.sputniknews.com/asia_oceania/201706058572575-daesh-queima-igreja-catolica-filipinas-video/

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||