Estado Islâmico assume responsabilidade por ataque a igreja na Rússia

"Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

18 de fevereiro de 2018.

 

Estado Islâmico assumiu a responsabilidade por um ataque a tiros na província Russa do Daguestão, que matou cinco pessoas neste domingo, de acordo com a Amaq, agência de notícias do grupo, embora não tenha fornecido evidências de sua participação.

Um homem abriu fogo contra um grupo de pessoas deixando uma igreja neste domingo, matando cinco e deixando ao menos outras cinco feridas, divulgou uma agência russa, citando o Ministério da Saúde local.

O ataque ocorreu na cidade de Kizlyar, na república do Daguestão de maioria muçulmana, informaram agências.

A pequena república nas montanhas do Cáucaso faz fronteira com a Chechênia, onde Moscou, desde o colapso da União Soviética em 1991, empreendeu duas guerras contra grupos separatistas e radicais religiosos, o que levou um grande número de pessoas a se juntar ao Estado Islâmico.

Fonte: Reuters

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||