Especial Mulher: Parabéns a todas as esposas de pastor

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

06 de março de 2016.

 

 

Mulheres comprometidas com a obra de Deus, verdadeiras guerreiras e intercessoras, sempre ajudando a semear a palavra da Salvação

A história a seguir conta a trajetória da esposa de um jovem pastor, que foi morta a tiros, na frente de seu marido e de suas quatro filhas, após um culto de domingo, numa noite de março, no ano passado, em uma aldeia perto de Tibu, ao norte de Santander, na Colômbia. Na ocasião, o pastor Jaime, que faz parte do Movimento Missionário Mundial, observou dois jovens armados que se aproximavam em uma motocicleta. Eles pararam em frente à igreja e pediram para falar com sua esposa Zoraida Acevedo, de 34 anos.

Ao vê-la, um deles disparou três tiros certeiros. O jornal Tiempo, deu a notícia no mesmo dia. Zoraida era líder do grupo "Mulheres em Ação", que é patrocinado pelo governo local. Ela também participava de um programa estadual chamado "Famílias em Ação", uma iniciativa do governo que fornecia alimentação e educação para as famílias indígenas ou deslocadas. Além disso, ela representava 50 mães residentes da área. Naquela tarde, antes de sua morte, ela compartilhou o Evangelho com duas mulheres, um pouco antes do culto das 19h. A polícia depois descobriu que, uma das mulheres, estava envolvida emocionalmente com um dos assassinos.

Jaime compartilhou sua tristeza e disse que sentia ainda mais pelas quatro filhas do casal. "Cindy tem 8 anos, Darcy tem 10, Ingrid 12 e Angie 15. Nossas meninas agora estão sem a mãe. É muito difícil explicar a elas por que Deus permitiu que minha esposa, que sempre serviu fielmente na obra do Senhor, fosse levada para o céu dessa maneira", compartilha ele. Antes que os assassinos fossem embora, eles gritaram: "É melhor que não tenha mais nada de vocês neste lugar". O governo ofereceu um velório cristão à família, no gabinete do prefeito, que pagou todas as despesas. Atualmente, a família mora em outra região, e é visitada pela Portas Abertas, que está acompanhando e oferecendo ajuda e conforto de todas as formas. Zoraida Acevedo é lembrada com carinho por todos os que a conheceram, e é citada hoje, nessa matéria, como forma de homenagem, por ter sido um verdadeiro exemplo de esposa de pastor. Oramos para que a família permaneça firme nos caminhos do Senhor.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||