Encorajamento e amor que atravessam fronteiras

"Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

30 de maio de 2019.

Na última semana, iniciamos o relato da entrega de algumas cartas de encorajamento para Esther*. Saiba agora, como a irmã nigeriana, que já enfrentou tantas adversidades, reagiu. Ao ler a carta do Ministro das Relações Exteriores do Reino Unido, Jeremy Hunt, ela imediatamente respondeu com uma nota escrita à mão, dizendo: "Caro senhor, fiquei surpresa quando a equipe me visitou em Maiduguri para entregar uma carta sua. Eu considero um privilégio, muito obrigada. Deus o abençoe em nome de Jesus. Você se importa comigo com palavras de encorajamento. Sinto-me amada. Por favor, continue a orar por mim e por Becky. Obrigado e que Deus o abençoe. Esther".

Mas ainda havia mais amor e encorajamento. Quando a colaboradora da Portas Abertas Hanna* entregou a sacola de cartas de apoiadores, ela mal podia acreditar. "O que é isso?" ela perguntou e, então, exclamou: "Oh, que cartões lindos!”. Durante pouco tempo, ela continuou abrindo os envelopes lacrados para ler suas cartas. Becky (Rebecca*, sua filha) se sentou ao lado, brincando e comendo biscoitos.

“Que cena adorável!”, declarou Hanna. Enquanto Esther lia as cartas em voz alta, mostrava alguns dos desenhos coloridos das crianças para Becky. Por intermédio de cada carta de encorajamento, Esther foi dominada pela percepção da enorme quantidade de cuidado e amor que os crentes ao redor do mundo têm em relação a ela, e exclamou emocionada: “Obrigada por estas palavras de encorajamento! Deus os abençoe”, foram estas as únicas palavras que ela conseguiu encontrar.

Ao concluir a visita a Esther, Hanna declarou: “Fiquei impressionada com o contraste entre a rejeição de seu próprio povo e o amor e cuidado que ela recebeu do corpo de Cristo em todo o mundo. A igreja está oferecendo a ela um senso de pertencimento. Obrigado a todos que tiveram tempo de escrever para Esther. Seu belo incentivo está fortalecendo a vida dela e está trazendo a esperança de volta, ajudando-a a perceber que ela não está sozinha!”.

Escreva para os cristãos perseguidos

Enviar cartões de encorajamento é uma das formas de servir aos cristãos perseguidos. Seja um instrumento de Deus escrevendo para eles. Assim como Esther foi abençoada com as palavras dos irmãos ao redor do mundo, você também pode fortalecer alguém que atravessa perseguição por intermédio da nossas campanhas de cartões. Confira as dicas e instruções de segurança, e envolva-se!

Pedidos de oração

  • Agradeça ao Senhor pelo encorajamento que Esther recebeu por meio das cartas e do amor da igreja de Cristo.
  • Ore para que o Senhor trabalhe nos corações de sua família, de forma que Esther e Becky se sintam acolhidas novamente.
  • Continue intercedendo pela Nigéria. Este é um país que enfrenta diversos tipos de perseguição, principalmente, pela atuação ativa do Boko Haram.

*Nomes alterados por motivos de segurança.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||