Cristãs butanesas testemunham sobre sua fé

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

05 de maio de 2016.

 

Verdadeiras guerreiras testemunham sobre o que estão vivendo depois que conheceram a Cristo e contam sobre cura e transformação em suas vidas.

No Butão, 23 mulheres se reúnem para dar relatos sobre sua jornada de fé. Mães, esposas, filhas, missionárias, todas portadoras da vida e da Palavra do Senhor. Elas falam sobre seus encontros pessoais com Jesus, que é o caminho, a verdade e a vida, e como isso tem permitido compartilhar a mensagem da Salvação com os cidadãos butaneses. Lisa* trabalha no ministério de formação de mulheres. "Elas me inspiram porque estão sempre interessadas na disciplina e no treinamento que disponibilizamos através da Portas Abertas. Nem sempre é fácil, pois o inimigo anda em derredor, tentando dificultar o aprendizado delas. Durante o treinamento, algumas experimentam distúrbios à noite e não conseguem dormir. Outras têm pesadelos, dores físicas e desconfortos. Nós temos orado muito por elas, intercedendo sempre", diz ela.

Segundo a instrutora, quase metade da turma não sabia ler nem escrever. "É preciso muita paciência e determinação para envolver as novas convertidas, mas é compensador ver o quanto elas se engajam rapidamente, ganhando confiança e participando de tudo. O Espírito Santo tem nos dado sabedoria e entendimento". Lisa continua. "Apesar de não serem alfabetizadas, elas são capazes de compreender as verdades da Palavra de Deus e ver a diferença que isso faz em suas vidas. Eu aprendi que não importa quanto conhecimento adquirimos ao longo da vida, se não houver uma transformação ele será inútil", reconhece. Mila* é uma das participantes. "Eu aprendi a compartilhar o evangelho com as pessoas e sei que isso honra a Deus, além disso, posso oferecer o meu amor e a minha vida para os outros, e isso faz é regenerador", afirma.

Transformadas e curadas através do toque de Cristo
As mulheres também contam histórias que falam de cura e libertação. Sheena* tem três filhos e um deles ficou doente, acometido de uma paralisia. "Nós o levamos para diferentes templos e mosteiros, mas ele não foi curado. Certo dia, um vizinho cristão nos disse que Jesus também é cura nessa vida e não somente vida eterna, então nos convertemos. Aos poucos, vemos nosso filho melhorar e isso tem sido um verdadeiro milagre.

Martha* conta que numa ocasião esteve tão doente que chegou a orar a Deus pedindo a morte. "Isso aconteceu há 20 anos e foi quando ouvi falar do evangelho pela primeira vez e fui curada. Eu tive um verdadeiro encontro com Cristo quando estava no hospital e alguns cristãos oraram por mim e eu fui curada. De lá para cá nunca mais saí da presença de Deus. Alguns familiares também se converteram depois de mim", conta a cristã.

"Meu marido era um xamã (líder inspirado por espíritos), mas quando nos casamos ele só dizia que era um religioso, e para mim as pessoas religiosas são boas. Quando ele revelou o que fazia, eu fiquei chocada. Minha vida foi bem difícil porque sempre que ele me via orando, ele fazia rezas ao meu redor com um incenso. Quando eu lia a Bíblia, ele discutia comigo, mas sempre perdia em seus argumentos. Uma vez, fiquei tão doente, que ele me levou para os monges nos monastérios, mas eu só piorava. A essa altura, ele tinha enterrado minha Bíblia perto de uma árvore, por causa das crenças dele. Então, ele desenterrou e leu. Ele disse que ouviu uma voz dizendo para ele orar por mim, foi quando ele fez um propósito e disse: ‘Se minha mulher for curada eu vou acreditar no Deus dela’. Naquele mesmo dia eu fui curada e hoje meu marido também é cristão e temos uma vida muito feliz", conta Kamila*, outra participante.

Há muitas outras histórias bem interessantes que essas mulheres, esposas e mães compartilharam. Algumas que chegaram perto do suicídio por sentirem desespero e depressão. Outras que suportaram muito tempo seus maridos alcoólatras, mas que viram eles curados pelo poder do nome de Jesus. Uma delas chegou a dizer: "Deus realmente ouviu as minhas orações, agora sou uma mulher feliz e realizada, pois Deus mudou a vida do meu marido. Eu acho até que ele se transformou num cristão muito melhor do que eu", finaliza.

*Nomes alterados por motivos de segurança.

Motivos de oração

  • Louve a Deus por tantos testemunhos lindos e inspiradores e porque essas mulheres foram alcançadas pelo poder restaurador de Cristo.
  • Ore para que elas continuem firmes em sua fé e que façam muitos discípulos em seu país.
  • Ore pelo Butão, para que o evangelho se espalhe por aquelas terras e que haja muitos outros relatos como estes para edificar a fé dos cristãos livres de perseguição.
  • Agradeça a Deus por conceder à Missão Portas Abertas esses treinamentos, além da estratégia para entrar em países que são fechados para o cristianismo.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||