Cristãos sírios são libertados, mas orações são indispensáveis

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

14 de agosto de 2015.

 

Líderes tribais mediaram a libertação do grupo, de acordo com o Observatório Sírio dos Direitos Humanos. Eles indicam que foi pago dinheiro em troca de liberdade. A Federação assíria da Suécia, que acompanhou o caso, disse que o total de assírios resgatados foi para 45. O EI ainda tem 187 cristãos presos.

Na semana passada, foram raptados cerca de 60 cristãos na cidade central de Quaryatayn pelo EI. Horas depois, quase metade deles foram liberados, mas o destino do resto permanece desconhecido. Os assírios eram cerca de 30 mil entre 1,8 milhões de cristãos da Síria antes do conflito no país começar.

Continue em oração
Mesmo de longe, os cristãos sírios precisam da sua intercessão; a guerra civil dura há quatro anos e o país tem um cenário terrível, como o de uma cidade fantasma. O povo está com medo. O Pr. Edward escolheu ficar e ajudar no crescimento da igreja, mesmo em meio às pressões e dificuldades.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||