Cristãos refugiados sofrem discriminação na Europa

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

23 de março de 2016.

 

A situação preocupou as igrejas locais que optaram por proteger esses cristãos, fornecendo alimentação, roupas e, em alguns casos, abrigo

O acampamento em Grande-Synthe, que fica no norte da França, acolhe cerca de 3 mil refugiados, entre eles muitos cristãos do Oriente Médio que fugiram para a Europa por causa da perseguição religiosa e que agora encontraram uma forma de perseguição moral por parte dos próprios refugiados que são muçulmanos com visões extremistas. "Um iraniano, convertido ao cristianismo foi assassinado em um desses campos", comenta um dos analistas de perseguição. O fenômeno tem sido observado também em outras regiões da Europa.

A situação preocupou as igrejas locais que optaram por proteger esses cristãos, fornecendo alimentação, roupas e, em alguns casos, abrigo. "Geralmente a máfia curda que vive no campo está sempre contra os cristãos. Alguns deles pegaram todo o nosso dinheiro prometendo nos ajudar a ir embora para a Inglaterra. Mas era um roubo, assim que demos o dinheiro eles nos chamaram de ‘sujos e infiéis’ e nos agrediram com facas", disse um dos refugiados que não se identificou por motivos de segurança. Segundo o cristão, os muçulmanos declararam que querem "limpar o campo", ou seja, exterminar com os seguidores de Cristo.

"Uma mesquita foi construída no campo e as pessoas são chamadas a orar todos os dias", disse outro refugiado. Alguns cristãos conseguem frequentar as igrejas locais de forma secreta. As diferenças étnicas criaram uma tensão muito grande nesses campos da Europa, onde a violência, o roubo e os ataques noturnos são muito comuns. A maioria das vítimas desses ataques teve que se mudar. Alguns conseguiram chegar até a Inglaterra e outros tiveram que retornar para o Irã. Aqueles que escolheram a Inglaterra dizem que têm parentes ou amigos lá, que se estabeleceram e as condições de vida parecem muito atraentes, em parte, porque muitos sabem um pouco de inglês, mas também por causa da perspectiva de melhores oportunidades econômicas. Contrabandistas tiram proveito do desespero dos migrantes para chegar ao Reino Unido, cobrando-lhes tudo o que eles têm, sem nenhuma garantia de que eles terão sucesso.

Lembre-se destes cristãos em suas orações.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||