Cristãos presos na Eritreia são libertados

Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

17 de novembro de 2017.

Os dezesseis alunos do colégio Mai Nehfi que haviam sido presos no dia 31 de outubro foram libertados. Eles ficaram detidos por dez dias, e foram questionados sobre suas atividades religiosas e advertidos a não fazer mais nenhuma reunião. Outros quatro cristãos que estavam presos em Massawa foram transferidos para a prisão da ilha de Dahlak. Não se sabe os motivos da transferência. 

No final de outubro, 38 cristãos de um total de 45 que estavam presos em Adi Kuala também foram libertados. Entre eles, estavam o filho e o marido de Fekadu Debessai Negassi, que morreu na prisão por falta de tratamento médico. Somente quando saíram da prisão, o pai e o filho ficaram sabendo da morte dela.

O risco de viver a fé cristã na Eritreia tem aumentado desde 2002, quando uma lei foi criada para impedir o crescimento da igreja. Também em 2002, o governo fechou as portas de todas as igrejas, incluindo diferentes denominações (ortodoxas, católicas e evangélicas). A Eritreia é o 10º país na atual Lista Mundial da Perseguição e faz parte das nações que compõem a África Subsaariana. 

Motivos de oração

  • Ore pelo pai e filho que, ao serem soltos, receberam a notícia da morte da esposa e mãe. Que eles encontrem força no Senhor para continuar e perseverar.
  • Agradeça a Deus pelos 16 estudantes e 38 cristãos libertados. Siga orando por aqueles que continuam presos. Ore por graça, força e sabedoria para suportarem essa situação.
  • Interceda pelos quatro irmãos que foram transferidos para a ilha de Dahlak, que mesmo em meio ao isolamento, eles desfrutem da presença, paz e segurança do Senhor.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||