Cristãos perseguidos encontram abrigo na Índia

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

26 de agosto de 2015.

 

De acordo com as informações do jornal indiano The Hindu, a Índia anunciou que vai conceder a cidadania para imigrantes em situação irregular, que fugiram da perseguição religiosa no Paquistão e no Bangladesh, desde que a data de entrada no país seja anterior ao dia 1º de Janeiro de 2015. Entre os imigrantes estão os cristãos.

Segundo analistas, trata-se de um movimento muito significativo no campo da perseguição religiosa e tenho certeza que causará uma grande agitação no Paquistão e no Bangladesh, já que estes países são acusados abertamente de perseguir as minorias religiosas não-islâmicas.

O diário paquistanês “Amanhecer”, noticiou que o principal alvo está sobre os hindus perseguidos, mas o fato de que outros religiosos, incluindo os cristãos, estejam incluídos também é, de fato, um ponto positivo.

“Embora o efeito seja a longo prazo, o primeiro passo já foi dado. Agora, as futuras vítimas de perseguição religiosa, no Paquistão e no Bangladesh, poderão optar por deixar seus países e ir embora para a Índia. Embora a situação dos cristãos indianos esteja bem longe do ideal, nada se compara com estes dois países”, conclui o periódico.

Apesar de cenário ‘aparentemente’ positivo às minorias, o país subiu substancialmente na Classificação da Perseguição Religiosa 2015, ocupando o 21º lugar ao invés do 28º praticado no ano passado. Ore pelos cristãos que representam a luz de Cristo na Índia.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||