Cristãos no Iêmen pedem orações

Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

24 de maio de 2017.

 

Além da violência contra a igreja e o período de turbulência política, nossos irmãos iemenitas também enfrentam um surto de cólera

As autoridades iemenitas declararam estado de emergência em Saná, capital do Iêmen, após um surto de cólera, infecção intestinal causada por diversos tipos de bactérias e que pode ser fatal caso não seja tratada a tempo. "Há pacientes dormindo no chão do hospital porque os leitos estão todos ocupados", disse um cristão que observou a situação.

De acordo com o Núcleo de Saúde da ONU, já ocorreram 124 mortes relacionadas à cólera, entre o dia 27 de abril e 14 de maio. Além disso, há 11.046 novos casos de suspeita de cólera, relatados em 18 regiões diferentes. "Estamos planejando uma campanha de conscientização contra a doença para as próximas semanas e precisamos com urgência que todos os irmãos orem pela nossa proteção e para a cólera não se espalhar ainda mais", pediu o cristão.

O surto de cólera é mais uma preocupação que se desencadeou logo após a crise, iniciada há mais de dois anos no país, quando a guerra civil aconteceu no Iêmen. De lá para cá, mais de 10 mil pessoas foram mortas e há milhões de deslocados vivendo em más condições. A nação está em 9º lugar na atual Lista Mundial da Perseguição e a igreja vive em meio à uma turbulência política, o que faz aumentar ainda mais a perseguição aos cristãos. Oremos por eles.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||