Cristãos celebram avanço de tropas iraquianas sobre Mossul

Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

19 de outubro de 2016.

 

Centenas de cristãos iraquianos que foram obrigados a fugir de Qaraqosh (ou Bajdida), ao sul da cidade de Mossul, celebraram nesta terça-feira - com dança e música - a operação do Exército para reconquistar a cidade controlada pelos jihadistas do grupo Estado Islâmico.

Homens, mulheres e crianças também se reuniram para rezar na igreja Mar Shimon (São Simão) de Erbil, capital da região autônoma do Curdistão iraquiano, constatou a AFP.

As Forças Armadas iraquianas entraram nesta terça-feira em Qaraqosh, 15 km a sudeste de Mossul, cidade controlada pelo Estado Islâmico (EI) desde agosto de 2014.

"Não há dúvidas de que nossa terra será libertada e agradecemos a Deus, a Jesus Cristo e à Virgem Maria", declarou Hazem Djedjou Cardomi, um jornalista cristão.

Ao menos 50 mil pessoas viviam em Qaraqosh, cidade de maioria cristã situada na planície do Nínive, a leste de Mossul, antes da ofensiva do EI, em agosto de 2014.

As tropas iraquianas lançaram na noite de domingo uma vasta ofensiva para reconquistar Mossul, segunda cidade do país, dando início a uma operação que pode exigir meses de combates.

Fonte: AFP.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||