Cristão iraniano é solto da prisão, dois continuam detidos

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

02 de fevereiro de 2015.

 

A Middle East Concern (MEC), uma associação de agências cristãs, relata que o iraniano Vahid Hakkani foi libertado no dia 26 de janeiro da prisão de Adel-Abad, na cidade de Shiraz

Hakkani, um dos oito cristãos presos em fevereiro de 2012, passou por menos duas greves de fome durante 2014, em esforços para protestar contra as autoridades judiciárias iranianas por rejeitarem seu apelo de libertação.

Seis dos oito cristãos presos foram libertados antes dele. No entanto, um deles, Homayoun, que foi solto em novembro de 2014, desde então foi obrigado a retornar à prisão para completar sua sentença depois de ter sua fiança cancelada, com uma sentença adicional que havia sido suspensa.

"[Homayoun] foi acusado de participar de uma igreja doméstica, difundir o cristianismo, ter contato com os ministérios estrangeiros, propaganda contra o regime e prejudicar a segurança nacional", informou a MEC.

Dos oito presos inicialmente, Homayoun e Motjaba são os únicos que ainda estão na prisão.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||