Cristã indiana tem Bíblia queimada por vizinhos

"Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

23 de abril de 2019.

No Dia Mundial do Livro e do Direito do Autor, falamos sobre aquele é o livro mais conhecido e vendido de todos os tempos. Mas em muitos países, onde os cristãos são perseguidos, ele se torna uma comprovação da fé cristã, o que gera diversas consequências para nossos irmãos e irmãs. Esse é o caso de Kirti (pseudônimo), uma cristã ex-hindu da Índia que veio à fé após Deus tê-la curado de uma doença que a assolou por muitos anos. Na época, vários parentes dela seguiram a Jesus. Mas os moradores hindus de sua vila chamaram ela e os outros cristãos para um encontro. “Eles nos forçaram a ficar no meio de todos e nos alertaram para não irmos mais para a igreja ou eles nos bateriam”, conta a cristã.

Mesmo após outras ameaças e com medo, eles continuaram seguindo a Jesus secretamente. Todos os domingos, Kirti e seu marido organizavam um encontro secreto em sua casa, que não ficou desconhecido por muito tempo. “Depois de dois meses, os moradores descobriram e nos chamaram para outro encontro. Eles disseram: ‘Vocês pararam de acreditar em Jesus, então por que continuam se reunindo para adorar a Deus?’. Então, o grupo foi à minha casa e procurou por minha Bíblia e hinário. Ameaçaram me matar caso continuasse adorando a Jesus. Então, queimaram minha Bíblia e hinário e entraram em casa novamente para roubar arroz, trigo e outros alimentos. Eles também pegaram nossos frangos e cabras. As cabras eram de estimação. Tudo foi levado para o salão comunitário, onde cozinharam tudo, incluindo os animais. Assim, toda a vila comeu nossa comida.” Quando terminaram, disseram: “Essa é a punição por sua falta. Não creiam mais em Jesus Cristo”.

De acordo com Kirti, a perseguição parou porque os moradores pensaram que ela finalmente tinha desistido de sua fé em Deus. Mas ela continuou fiel e a orar sozinha em casa. Lentamente, os outros cristãos voltaram a ir a sua casa. Pessoas doentes eram trazidas e Kirti e os outros cristãos oravam por elas. Curas aconteciam. Um homem estava muito doente e inconsciente, mal estava vivo. Ele despertou quando as pessoas oraram por ele.

Os moradores da vila ficaram irados. “Eles chamaram o homem e o agrediram severamente. Naquele dia, também chamaram pessoas de outras vilas. Enquanto cultuávamos, cercaram a casa. Então invadiram e nos bateram. Fomos arrastados para fora da casa e continuaram nos batendo com bastões. Também nos chutaram e deram tapas. Gritaram comigo: ‘Por sua causa, todos da vila se tornaram cristãos. Pararam de adorar nossos deuses e deusas ancestrais’. Minha coluna foi quebrada naquele dia. Eles continuaram gritando para que eu deixasse Jesus, mas Deus me deu forças para suportar a dor”, ela conta. Apesar de tudo, ela e os outros cristãos não negaram a Cristo.

Pedidos de oração

  • Ore em favor dos cristãos ex-hindus da Índia, para que possam ter liberdade para crer em Deus.
  • Interceda em favor de Kirti, para que ela tenha sua fé fortalecida e seu corpo regenerado.
  • Peça em favor daqueles que possuem Bíblias em países onde elas são motivo de perseguição.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||