Conflitos entre somalis e ormas pode atingir cristãos

"Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

05 de fevereiro de 2018.

Em Madogo, no nordeste do Quênia, teve início um conflito tribal entre pastores de cabra somalis e ormas. O choque parece ser motivado por uma disputa que já dura mais de duas semanas sobre poças de água para seus animais. A região norte do país tem enfrentado secas desde o final de 2016.

Como resultado, há falta de pastos e água. As poças se tornam a única fonte de água para os animais beberem, o que gera conflitos entre os povos somalis e ormas. Ambos os grupos são muçulmanos, mas os ormas têm uma maior aceitação dos cristãos, recebendo muitas igrejas em sua parte do país.

Um líder cristão de Garissa (região próxima) informou que, durante os choques, houve barricadas na cidade, interrompendo o trânsito. Ele pede orações porque diz que “é muito fácil que cristãos e cristãos ex-muçulmanos se tornem alvos em situações caóticas como essa, e depois dizem que foi por causa dos conflitos”.

Pedidos de oração:

  • Agradeça a Deus pela rápida ação das autoridades.
  • Ore para que cristãos e cristãos ex-muçulmanos não se tornem alvo no meio da confusão.
  • Clame para que a chuva venha, acabando com a seca e, consequentemente, com os conflitos por água entre esses dois povos.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||