Como vivem os cristãos no Vietnã

Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

20 de maio de 2017.

 

Os vietnamitas carecem de conhecimento bíblico fundamental e enfrentam um alto nível de violência

Vietnã, 17º país na atual Lista Mundial da Perseguição, continua sendo regido por um sistema comunista e, a nova liderança que foi apresentada no ano passado, contrariou as poucas esperanças que a igreja ainda tinha de algumas reformas no governo. Embora o cristianismo seja bem representado, a liderança política o rejeita. No ano passado, os governantes adotaram a nova Lei de Crença e Religião, uma versão revisada da antiga lei 92 que limita fortemente a liberdade de culto e adoração a Deus.

Sendo assim, os cristãos perseguidos estão enfrentando prisões e alguns até perderam seus territórios para as autoridades. Os novos convertidos de algumas comunidades enfrentam discriminação, intimidação e pressão para renunciar a nova fé. Bíblias não podem ser impressas, por isso, a Bíblia infantil, muito desejada pelas crianças, está sempre nas mãos de adultos, que apreciam histórias fáceis de entender. Infelizmente, os vietnamitas carecem de conhecimento bíblico fundamental, por isso se tornam vulneráveis às falsas doutrinas.

O nível de violência aumentou consideravelmente no último ano. As atividades religiosas são monitoradas e os cristãos são impedidos até mesmo de realizar cerimônias religiosas, como casamentos, por exemplo. As igrejas domésticas são cada vez mais comuns no país. Além da perseguição religiosa, os cristãos também enfrentam a censura da mídia, especialmente da internet. Não há perspectivas positivas para o futuro da igreja no Vietnã.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||