Como vivem os cristãos na Argélia

Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

07 de outubro de 2017.

A igreja é formada em sua maioria por ex-muçulmanos. Ela cresce, mas ainda enfrenta perseguição

A Argélia é um país do Norte da África, região também conhecida como África branca. A igreja no país é jovem e quase todos os cristãos são de origem muçulmana. Aqueles que abandonam o islã para seguir o cristianismo enfrentam grande pressão por parte da família e da sociedade, além de ser ameaçados por grupos extremistas islâmicos. Embora o governo esteja investindo contra a militância islâmica, seus líderes políticos usam a religião para punir os cristãos.

A Cabília é uma região montanhosa no nordeste do país que abriga muitos protestantes. Há vários graus de perseguição na Argélia, uma vez que a lei proíbe oficialmente a prática de uma fé que não seja o islã. No geral, a pressão sobre os cristãos aumentou em relação ao ano passado, e o país passou da 37a para a 36a posição na Lista Mundial da Perseguição em 2017. A pressão é mais forte no âmbito familiar e na vida privada, para os cristãos ex-muçulmanos. Quem decide seguir a Jesus Cristo não é livre para frequentar cultos ou reuniões entre irmãos e precisa ter uma vida religiosa secreta para evitar diversos problemas e fugir dos conflitos.

A Argélia ocupa um lugar relativamente baixo no Índice de Liberdade de Imprensa. Embora formalmente a imprensa exista no país, a TV e o rádio são controlados pelo Estado. Antenas parabólicas são comuns. A mídia internacional é restrita. Mesmo assim, programas de TV cristãos via satélite têm colaborado para o aumento do número de conversões. O governo também monitora e-mails e salas de bate-papo com a justificativa de lidar com questões de terrorismo e segurança. Essa situação se agravou à medida que a ameaça à segurança do país cresceu em meio ao caos criado na região, no rescaldo da Primavera Árabe.

Apesar de alguns desenvolvimentos positivos, as tendências gerais relativas à liberdade religiosa são negativas. Cristãos ainda são presos por causa de sua fé e as ameaças a igrejas e organizações de mídia cristãs ainda ocorrem. Ore pelos nossos irmãos argelinos, para que sua fé seja fortalecida. Peça também para que os líderes tenham ousadia e sabedoria para evangelizar e discipular, e assim a igreja cresça saudável.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||