Como Deus alcança vidas no Laos

"Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

21 de janeiro de 2019.

Há cerca de um ano, conhecemos Beun*, um cristão e evangelista do Laos. Em 2016, ele ficou preso por cinco meses e mesmo lá não parou de evangelizar. Desde que ele saiu da prisão, a Portas Abertas o apoia e o ajudou a construir sua casa e um centro de discipulado. Também o ajudamos a começar uma plantação de cogumelos para que ele e sua equipe pudessem ter seu próprio meio de subsistência enquanto pregam o evangelho no Laos. Beun também passou por um treinamento de preparação para a perseguição oferecido pela Portas Abertas.

Nós o visitamos recentemente e, para nossa alegria, agora ele ministra para cerca de 50 pessoas. Participamos de um culto na igreja doméstica de Beun, onde muitos testemunharam a grandeza de Deus em sua vida. Nui*, um rapaz de 25 anos, viajou cerca de uma hora de motocicleta para participar do culto. Ele compartilha: “Eu aceitei Jesus alguns dias atrás quando encontrei Beun. Apesar desse lugar ser muito longe, eu quis vir porque quero aprender mais sobre a Bíblia”.

Lina*, uma cristã que ficou viúva recentemente, agradeceu pelo conforto que a igreja doméstica lhe deu. “Como meu marido morreu, agora eu moro sozinha em casa. Me sinto sozinha e triste ao mesmo tempo; mas através da comunhão, das lições, fico em paz. Agradeço a Deus por me dar essa comunidade de seguidores de Jesus”. (Essa história continua).

*Nomes alterados por segurança.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||