Cidade onde o cristianismo ainda é pregado tenta se salvar

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

17 de novembro de 2015.

 

“Esteja atento! Fortaleça o que resta e que estava para morrer.” Apocalipse 3.2a

Segundo a Agência Internacional de Notícias da Assíria (AINA), esforços estão sendo concentrados para salvar um dos últimos centros cristãos indígenas da Síria de um ataque jihadista. A cidade pode ser alvo do Estado Islâmico (EI), que possui uma base a três quilômetros da cidade cristã Sadad, na Síria ocidental. "Estamos com medo do EI conquistar a cidade, pois perderíamos tudo. Que Deus venha impedir”, disse um dos líderes religiosos. 

Confrontados com a perspectiva de mais uma perda insubstituível, diferentes facções anti-islâmicas se uniram para defender a cidade, embora a inciativa seja por razões diferentes. Sadad é uma cidade onde o cristianismo ainda é pregado. Quinhentos combatentes cristãos, unidos por combatentes pró-governo, viajaram por toda a Síria para impedir a queda da cidade. Em um ataque surpresa, há três semanas, o EI tomou a cidade de Mahin, que fica a 10 quilômetros ao leste de Sadad e finalmente avançou para uma montanha, cerca de 3 quilômetros ao sudeste de Sadad, afirma a AINA.

Desde agosto, milhares de civis foram deslocados por uma combinação de avanços e aumentou o bombardeio aéreo e terrestre das forças governamentais russas e sírias que tentam afastar os militantes. Cerca de 15 mil moradores deixaram a cidade, apenas algumas centenas de defensores permaneceram. A maioria dos que fugiram de Sadad viajaram para cidades com populações cristãs consideráveis, tais como Firouzeh e Zaidal. 

Não deixe de orar e interceder por essa nação! Nossos irmãos passam por provações bem difíceis. Que Deus esteja com eles dando a segurança e refrigério que necessitam.

Esperança para a igreja no Iraque e Síria
Todos os dias, vemos e ouvimos nos meios de comunicação histórias de refugiados, e sabemos que eles precisam de nossa ajuda e de nossas orações. É por esse motivo que convidamos você a participar do Domingo da Igreja Perseguida (DIP) em 2016, um dia de intercessão pelos cristãos perseguidos ao redor do mundo.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||