Ataque no Sudão mata dezenas de pessoas

"Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

07 de junho de 2019.

O Conselho do Regime Militar abriu fogo contra manifestantes na principal manifestação ocorrida na capital do Sudão, Cartum, na última segunda (3). Também incendiou tendas. A explicação do conselho é que forças de segurança tentavam liberar uma área vizinha ao local do protesto quando as pessoas que estavam perseguindo fugiram para o local da manifestação, ocasionando as mortes e feridos. Porém, ativistas disseram que a violência pareceu ser um movimento coordenado, com outras forças de segurança atacando protestos similares nas cidades de Omdurmã e Al Qadarif. Essa dispersão arrisca aumentar a violência ainda mais.

Apesar do governo assumir que apenas 46 morreram na ação brutal contra manifestantes, médicos ligados à oposição dizem que os números subiram para, no mínimo, 100 pessoas. Na quarta-feira (5), informaram que 40 corpos foram retirados do rio Nilo, em Cartum, no dia anterior (4).

Diversos relatos da capital dizem que unidades paramilitares, as temidas forças de apoio rápidas (RSF, da sigla em inglês), também conhecidas como milícia Janjawid, notáveis por sua ação brutal em Darfur, passaram por ruas desertas próximas à cidade, alvejando civis. A Portas Abertas confirmou a informação com testemunhas locais.

Uma fonte anônima em Darfur declarou: “A internet está bloqueada desde segunda (3) à tarde. O Serviço Nacional de Inteligência e Segurança e a Janjawid estão de volta às ruas de Cartum atirando indiscriminadamente. Durante os dias do ex-presidente Bashir, eles costumavam procurar grupos específicos, mas agora todos os sudaneses são inimigos. Não é seguro sair de casa. A segurança está fora de controle. Eles se concentram em quem estiver protestando na rua. Matam tanto cristãos como muçulmanos. Por favor, ore para que Deus proteja a sua igreja”.

Pedidos de oração

  • Ore pela paz no Sudão e para que haja uma retomada nas negociações.
  • Peça pela proteção do Senhor para as crianças nesse momento de instabilidade.
  • Interceda para que os líderes das igrejas tenham sabedoria e possam conduzir os membros por esses tempos de tumulto.

Fonte: Portas Abertas

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||