As discussões para a nova Constituição no Nepal continuam

“Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.” Mateus 24:9

01 de agosto de 2015.

 

Em junho, a Suprema Corte do Nepal interrompeu a introdução de um acordo sobre a nova Constituição, alcançado pelos quatro principais partidos, por despacho de medidas provisórias.

Daniel, analista da Portas Abertas, explica: "A ordem constitucional do Nepal parece uma história sem fim. A última decisão deixou o país numa situação ainda pior. Nada foi esclarecido, mas ficou óbvio que o tribunal negou a todos a oportunidade de decidir sobre uma nova divisão administrativa. Não estão levando em conta as preocupações do povo em geral e, muito menos, das minorias”.

Mesmo assim, apesar da ordem do tribunal, os políticos apresentaram um projeto de Constituição, no dia 30 de junho, ignorando o protesto da oposição, de que o projeto não era suficientemente inclusivo para as minorias. “Na verdade, a questão das culturas e minorias religiosas, como é o caso dos cristãos, continua a ser um caso não resolvido, especialmente, onde a conversão e a evangelização estão em pauta”, conclui Daniel.

Fonte: Portas Abertas.

voltar para Perseguições

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||