Netanyahu critica ONU sobre status de Jerusalém

08 de março de 2018.

 

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, criticou nesta quinta-feira as Nações Unidas por sua posição em relação a Jerusalém como capital do estado hebreu, ao visitar uma exposição sobre a cidade na sede da ONU, em Nova York.

A exposição de antigos utensílios de Jerusalém "representa a verdade" sobre a cidade que "está sendo negada por aqueles que buscam apagar a história do nosso povo", declarou Netanyahu.

"Estamos mudando a posição de Israel no mundo e, principalmente, estamos deixando claro que lutamos pela verdade e por nossos direitos", disse Netanyahu na exposição "3000 anos de história: judeus em Jerusalém".

A exposição montada em um dos corredores da ONU traz uma placa na qual as Nações Unidas destacam que o conteúdo da mostra não reflete a visão do organismo.

O porta-voz da ONU Stephane Dujarric destacou que a placa é um padrão para todas as exposições nas Nações Unidas.

Netanyahu comentou a placa assinalando que a exposição "certamente não representa a (posição) das Nações Unidas, e sim a verdade".

Em dezembro, uma votação na Assembleia Geral da ONU rejeitou o reconhecimento por parte dos Estados Unidos de Jerusalém como capital de Israel.

Fonte: AFP

Enviar comentário

voltar para Israel

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||