Jerusalém reserva espaço para as embaixadas

15 de dezembro de 2018.

 

De forma a incentivar outros países a seguirem o bom exemplo dos Estados Unidos e da Guatemala, o Ministério da Habitação e Construção de Israel planeia reservar um "quarteirão diplomático" num espaço de mais de 25 hectares em Talpiot oriental.
 
"Apressem-se: os melhores espaços estão a esgotar-se!" - avisou o ministro Galant...
 
Este plano, iniciado pelo ministro Yoav Galant, verá a construção de um quarteirão que incluirá embaixadas, edifícios residenciais para os funcionários das embaixadas e residências para os embaixadores.
 
O complexo das embaixadas cobrirá uma área de 25 hectares, próximo à embaixada dos Estados Unidos, e a cerca de 1 quilômetro e meio da barreira de separação.
 
No caso de mais embaixadas quererem deslocar-se para Jerusalém, será alocada uma nova área no bairro de Rekhes Lavan.
 
A localização não poderia ser melhor: os embaixadores terão vistas privilegiadas sobre os montes da Judeia e até do próprio Mar Morto. 
 
Fonte: Shalom, Israel!

Enviar comentário

voltar para Israel

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||