Israel vai retirar 4 mil minas terrestres na região do Jordão onde Jesus foi batizado

13 de fevereiro de 2018.

 

Qasr al-Yahudé um local bíblico de extrema importância para judeus e cristãos.
 
Ali Jesus foi imerso (batizado) nas águas pelo profeta João Batista, foi naquela parte do rio Jordão onde se acredita que o povo de Israel atravessou a seco para a Terra Prometida, e foi também ali que se crê que o profeta Eliseu realizou vários milagres após a subida ao céu "num carro de fogo"do profeta Elias.
 
4.000 MINAS TERRESTRES
 
Este local fronteiriço que separa Israel da Jordânia, localizado a cerca de 10 quilômetros de Jericó, está no entanto pejado de minas terrestres naquela zona onde se encontram 7 igrejas cristãs, juntamente com várias capelas e mosteiros, algumas delas cheias de marcas de balas nas suas paredes, uma vez que serviram no passado para o esconderijo de terroristas que tentavam penetrar em território israelita. As igrejas estão abandonadas desde há décadas, sabendo-se que algumas estão armadilhadas.
 
Desde 2011 que Israel abriu um caminho de acesso até ao rio Jordão para os milhares de peregrinos que ali se deslocam para conhecer o local onde Jesus foi baptizado, especialmente os crentes ortodoxos que ali vão para celebrar a epifania, no dia 18 de Janeiro.
 
A empresa britânica "Halo Trust", especializada na limpeza de minas terrestres, vai dentro de poucas semanas iniciar o trabalho de desminagem, calculando-se que só no espaço de um quilômetro quadrado existam 2.600 minas anti-tanque e 1.200 anti-pessoais.
 
Calcula-se em 4 milhões de dólares o custo de toda a operação, sendo que o Ministério da defesa de Israel irá também contribuir para os custos de todo o projeto.
 
A maior parte das 7 igrejas cristãs ali presentes foram erigidas nos anos 30 durante o mandato britânico. Espera-se que após o processo de desminagem estas igrejas possam voltar a atrair muitos peregrinos e turistas cristãos.
 
Cerca de 53% dos atuais turistas que entram em Israel são cristãos, tendo 1,5 milhões visitado Israel durante o ano de 2016.
 
As águas do Jordão naquele local são bastante poluídas, mas a construção de 3 plantas de tratamento de águas naquela região tornaram as águas próprias para o batismo de todos quantos o querem fazer naquele local de tão grande simbolismo.
 

Fonte: Shalom, Israel!

Enviar comentário

voltar para Israel

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||