Dezenas de milhares de judeus concentram-se junto ao muro para a benção araônica

02 de abril de 2018.

Dezenas de milhares de judeus inundaram literalmente esta manhã a enorme praça adjunta ao Muro Ocidental, na capital Jerusalém, para a costumeira "bênção sacerdotal", que encerra este primeiro período da Páscoa judaica.
 
Entre os muitos presentes destacou-se a presença do embaixador dos EUA para Israel, David Friedman, ele próprio judeu religioso pertencente à ordem sacerdotal, vindo acompanhado do filho e do neto.
 
Esta cerimônia é realizada duas vezes por ano em Jerusalém, e desta vez foi acompanhada por fortes medidas de segurança. Milhares de homens e mulheres inundaram por completo cada centímetro quadrado disponível, para não perderem a bênção sacerdotal.
 
A cerimônia é conduzida por sacerdotes descendentes da ordem sacerdotal dos coatitas (cohen), que se reúnem para proferir uma bênção especial, erguendo as suas mãos para os céus e vestidos de xailes de oração. 
 
O Muro Ocidental é o local mais próximo ao "Santo dos Santos" do antigo Templo onde os judeus têm permissão para orar, uma vez que, ainda que possam subir ao Monte do Templo, estão proibidos de orar nesse lugar onde outrora foram erigidos os dois grandes Templos judaicos.
 
Shalom, Israel!

Enviar comentário

voltar para Israel

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||