Departamento de Estado dos EUA não considera territórios palestinos como 'ocupados'

22 de abril de 2018.

 

Um relatório oficial do Governo dos Estados Unidos sobre a observação dos direitos humanos a nível mundial em 2017 retirou o termo "ocupados" ao se referir aos territórios palestinos que foram ocupados por Israel na guerra de 1967.

A fonte menciona "Israel, as Colinas de Golã, a Cisjordânia e Gaza" como única alusão à ocupação israelense.

"As autoridades israelenses não permitiram que os palestinos que estavam no exterior durante a guerra de 1967 e aqueles a quem o governo retirou a permissão de residência voltassem a residir permanentemente nos territórios ocupados", diz a única menção a estes territórios.

Aparentemente, o Departamento de Estado seguiu as instruções dadas por David Friedman, embaixador dos Estados Unidos em Israel.

A administração do presidente Donald Trump não apoia explicitamente a criação de um Estado palestino nos territórios ocupados como a solução ideal para resolver o conflito.

"A mentira dos territórios palestinos ocupados começa a se revelar", disse o ministro da Defesa de Israel, Avigdor Lieberman, que reside em um assentamento na Cisjordânia ocupada.

Fonte: Sputnik

https://br.sputniknews.com/oriente_medio_africa/2018042211050180-territorios-palestinos-ocupados-termo-eua-israel/

Comentários

Olganita wanderley em 24/04/2018 04:40:33
Concordo com a mensagem acima. Israel é o proprietário da terra que Deus deu para ele. Isto é Bíblico.
wilson francisco da silva em 23/04/2018 07:38:34
toda a terra pertence a "israel", os chamados "palestinos" são "árabes" e como tal tem terras em abundância no oriente médio, porém a inveja é grande contra "israel, pois é a única democracia do oriente médio e mais é um pais rico e isso incomoda muito os "muçulmanos" do oriente médio, que usam a religião deles só para "matar", enquanto não reconhecerem "jesus" como filho de " DEUS", viverão sempre assim nessa peleja e nunca terão "PAZ", até os fins do tempo. amém !

Enviar comentário

voltar para Israel

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||