Vídeo evidencia participação de iranianos em ataque a navios, segundo exército dos EUA

"E ouvireis de guerras e de rumores de guerras;..." Mateus 24:6

14 de junho de 2019.

 

O exército dos Estados Unidos divulgou um vídeo que, de acordo com os americanos, prova o envolvimento dos iranianos nos ataque a dois navios-tanque no Golfo de Omã na quinta-feira (13).

Duas companhias marítimas relataram incidentes na quinta-feira (13) em que dois navios petroleiros foram danificados no Golfo de Omã.

Nas imagens, uma embarcação pequena da Guarda Revolucionária do Irã parece se aproximar de um dos barcos atacados, já depois das explosões. Um homem que está nesse pequeno barco se levanta e remove um objeto do casco do petroleiro.

Segundo os Estados Unidos, esse objeto é, provavelmente, uma bomba que não foi detonada.

Representantes das forças armadas dos EUA afirmaram à rede CNN que acreditam que a retirada da bomba foi uma forma de os iranianos impedirem que uma evidência do envolvimento deles fosse encontrada.

"A avaliação do governo dos EUA é que a República Islâmica do Irã é a responsável pelos ataques que aconteceram no Golfo de Omã", afirmou Mike Pompeo, o secretário de Estado norte-americano.

A conclusão, segundo ele, foi baseada em relatórios de informantes, no tipo de armamento e técnica usados e em ataques semelhantes que aconteceram recentemente.

Irã nega participação e diz que acusações são sabotagem à diplomacia

O Irã nega qualquer conexão com o ocorrido. Nesta sexta-feira (14), o ministro de Relações Exteriores do Irã, Javad Zarif, acusou os Estados Unidos de "sabotarem a diplomacia" e encobrirem o "terrorismo econômico" contra o país.

Fonte: G1

voltar para Guerras

fwR fsN tsY show center|left tsN fwR|show fwR center|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase|content-inner||